Mapa do Portal      Registo      Entrar
 
 

  Fóruns Abertos  
Responder à Mensagem:
Submetido Por nilcosta em 03-07-2008 5:18:51
Assunto: Expresse por escrito as suas opiniões ou felicitações pelos 25 anos da nossa Associação.
Messagem: PATRIMÓNIO HUMANO

O Património Construído é o rosto material de nós próprios, do Património Humano. Nós somos pó, somos terra, somos os arbustos, as árvores, somos as pedras, somos a paisagem. Somos a natureza transformada e interagimos com ela, moldando o mundo que nos rodeia à imagem de nós próprios.
Esta reflexão procura centrar a nossa atenção no papel que podemos desempenhar como associação de defesa de património. Os Castelos são pó, são terra, são arbustos, árvores, são pedras, são paisagem. Estão mais perto de nós do que pensamos e acreditamos. Os mais novos sentem os Castelos duma forma que nós já esquecemos, porque eles são mais sonho que razão.
Para consolidarmos a Associação Portuguesa dos Amigos dos Castelos temos que aumentar a comunicação entre as pessoas e a comunicação com tudo o que nos rodeia, com o pó, com a terra, com os arbustos, as árvores, com as pedras, com a paisagem. Esta comunicação tem tantas facetas quantas um castelo pode ter. O castelo da madrugada, o castelo da noite, o castelo da chuva, o castelo do vento, o castelo do nevoeiro, o castelo do calor tórrido, o castelo da floresta, o castelo da ruína, o castelo da memória…
Cada um de nós é um Castelo. Somos pedras vivas que unidas fazem Fortaleza. Todos os associados, quer tenham ou não a quota em dia, estejam no activo ou tenham já partido, fazem parte deste castelo imaterial, o castelo inexpugnável que queremos construir. Só assim ganharemos os combates que teremos que travar. Esses combates são inevitáveis porque não é só a defesa do castelo que está em causa, mas toda a sua envolvente natural e cultural. O equilíbrio do desenvolvimento tem que vencer as forças que emergem e que estão a destruir o rosto do território. É de desenvolvimento que estamos a falar, de coisas concretas, da possibilidade das pessoas e das empresas ganharem a sua vida e lucrarem de uma forma equilibrada. Os seus ganhos têm que ser repartidos com os ganhos da comunidade. Será estúpido de um sistema que não consiga vantagens mútuas e a estupidez não é amiga dos Castelos.
É com este espírito que iniciamos as comemorações do nossos 25 anos como Associação.

Eng.º Francisco Sousa Lobo
Presidente da Associação Portuguesa dos Amigos dos Castelos
Utilizador: 
Assunto:  Expresse por escrito as suas opiniões ou felicitações pelos 25 anos da nossa Associação.
Corpo:














  
Mostrar Respostas:


ActiveForums 3.6
  
 
     
     
  Privacidade        Condições de Utilização        Copyright 2006-2015 Amigos dos Castelos